25/02/2015 - 08:24

Monitoramento da Sigatoka Amarela

O monitoramento da Sigatoka, foi iniciada em janeiro de 2015

 

  Em janeiro de 2015, o monitoramento de pulverização da Sigatoka Amarela, fato este que na sua maioria é realizada via pulverização aérea, neste sentido diversos órgãos público, manifestaram uma grande preocupação, especialmente com a pulverização aérea.

   Diante deste fato do Distrito de Irrigação, juntamente com a Abanorte, CODEMA's, Ministério Público, formularam um plano de adequação dessa pratica, de forma que os produtores continuem a utilizando.

    Desta forma foi definida que os produtores somente poderão utilizar a pulverização aérea respeitando os seguintes critérios:

 > O produtor deverá comunicar a pulverização com antecedência de 24h;

 > Deverão ser utilizados apenas produtos registrados, em uma distancia mínima de 500 metros do canal principal e agrovilas;

 > As lavouras a menos de 500 metros das agrovilas somente poderão fazer pulverização terrestre;

>A pulverização aérea deverá obedecer ao calendário, informado nas placas de monitoramento instaladas pelo DIG, em diversos pontos.

   As placas de monitoramento serão instaladas em locais estratégicos, para que todos tomem conhecimento, os locais serão:

  > Colonização Matinha                    > Colonização II

  > Colonização Furado de Oliveira     > Colonização III

  > Colonização I

   Semanalmente, um técnico do DIG irá atualizar as placas de monitoramento, informando o exato momento para realizar a pulverização. O técnico fazer uma analise preliminar nas lavouras, onde quando detectado a presença da Sigatoka Amarela, será atualizado o painel, para que naquele prazo os produtores daquela colonização possa realizar a devido controle.

   As placas serão sinalizadas com três cores:

 > Verde: Indica que a sigatoka está controlada e não será necessária fazer intervenções de pulverização;

 > Amarela: Indica que a Sigatoka está em estágio médio de desenvolvimento e será necessário procurar um técnico para fazer uma analise preliminar para uma possível pulverização;

 > Vermelho: Indica que a Sigatoka está em estágio de necessidade de controle químico, ou seja, será necessário realizar a pulverização da lavoura, contudo deve ser obedecidos os critérios acima citados.

   É Importante lembrar que a fiscalização será realizada pelo IMA, pelos Conselhos Municipais e Ministério Publico de Minas Gerais e contamos ainda com a autofiscalização, ou seja, que os produtores estejam atentos as praticas de realizadas por todos de forma que o processo seja realizado dentro das regras e que a pulverização aérea não seja proibida no Perímetro do Gorutuba.

 

 Pagina Anterior   Voltar para Home

Comentários

Nome*
Mensagem*